21 March 2014

Minute puff pastry / Massa folhada rápida.

Lets make puff pastry?
If you asked me this question not long ago, my answer would be straight away "no way!!!", but now, since I tried this recipe for the first time, Im not buying puff pastry anymore, as this one, not just is very easy to make, as it is also very moreish and after being cooked, it keeps its crispiness for 2 or 3 days. 
Believe me, this recipe is incredible!!
I used this batch to make portuguese custard tarts, but you can use it for whatever you fancy.
ingredients (makes 700g):
250g strong plain flour
1/2 tsp fine sea salt
250g butter, at room temperature but not soft, cut into small dice
150ml cold water
__________________

Vamos fazer massa folhada?
Bom, se me fizessem esta pergunta há uns tempos atrás, a minha resposta imediata seria "nem pensar numa coisa dessas!!".
Isto até ao dia em que, folheando o livro abaixo, dei com esta receita e resolvi experimentá-la...
Bom, nunca mais comprei massa folhada e garanto-vos, experimentem e não se arrependerão, pois além de fácil de fazer, lamina que é um espectáculo e depois de cozida, ainda se mantém estaladiça por 2 ou 3 dias.
Eu utilizei-a na confecção de uns belos pastéis de nata, mas usem-na para o que precisarem.
ingredientes (para 700g de massa):
250g farinha de trigo branca para pão
1/2 colher chá de sal fino
250g manteiga, à temperatura ambiente, mas sem estar muito mole e cortada em cubos pequenos.
150ml água gelada
__________________
method / preparação:
Sift together the flour and salt into a bowl.
Peneirar a farinha e o sal para uma taça grande.

Mix in the butter but don't rub it in.
Adicionar os cubos de manteiga e envolver, mas sem esfregar.


Using an wooden spoon, gradually mix in the water in order to have a firm but not sticky dough.
Gather the dough together with your hands, cover with clingfilm and refrigerate for 20 minutes.
Mexendo com uma colher de pau, adicionar a água aos poucos, por forma a obter uma massa firme mas que não esteja peganhenta.
Com as mãos, formar uma bola de massa e envolvê-la em película aderente. Refrigerar por 20 minutos.


Turn the dough out onto a floured surface and knead gently until smooth, shaping it to a rectangle.
Roll out in one direction only until it is approximately 15 x 50cm. Make sure that the edges remain straight and even.
Colocar a massa em cima de uma superfície enfarinhada e amassar suavemente até esta estar macia e formar um rectângulo.
Estender a massa num rectângulo de 15 x 50cm, tendo o cuidado de manter os extremos sempre direitinhos.



Fold the dough in three, bringing the top third down to the centre, then folding the bottom third on top.
Give the dough a quarter turn to the left or right and roll out again to 3 times the length.
Dobrar a massa em 3, dobrando 1/3 da massa até ao centro e o terceiro terço em cima deste.
Rodar a massa 90º para a esquerda ou para a direita e voltar a esticá-la até obter 3 vezes o seu tamanho.



Fold the pastry as before, cover with clingfilm and chill at least 30 minutes before rolling out to use.
Dobrar em terços como da primeira vez, envolver em película aderente e refrigerar por, no mínimo, 30 minutos, antes de utilizar normalmente.


Recipe / Receita:

27 comments:

Romy Almeida said...

Olha... sinceramente nunca fiz em casa pois sei o trabalho que dá mas depois deste teu post fiquei curiosa :)
Bjokas

Lenita said...

Lia que receita fantástica! Eu nunca me atrevi a fazer massa folhada por falta de paciência e por me parecer muito dificil, mas esta versão do Gordon de facto é mais simples.
Assim com passo a passo e tudo fiquei mesmo com vontade de experimentar, pena não poder ser já... :(
Bjs

Tertúlia da Susy said...

Uma excelente dica.

Cozinha em sarilhos said...

Imagino que tal como eu, as saudades de uns pasteis de nata sejam muitas!
Nem acredito no que acabei de ver... acho que ainda este fim de semana vou tentar!!! :)
Excelente partilha, obrigada :)

Marisa Valadas said...

Nunca fiz por dar muito trabalho, mas lá que fiquei curiosa isso fiquei!

Brisa Maritima said...

Amiga,

Estou quase convencida !
É que fazer massa folhada... vai lá, vai ! :)
Mas esta receita parece de facto resultar em pleno e se tu dizes, eu não duvido !
Talvez a teste um dia ! :)

Beijinhos

sandra neiva said...

Lia querida,

pois eu não me atrevo a minha vem já das pastelaria esticada e pronta a usar, só de ler tanta volta já fico com receio de ir tudo para o lixo:)
Mas, mesmo assim parece-me que esta sugestão é bem mais simples que as várias receitas que já vi, e está de parabéns pela coragem:):):)

beijinhos

Pam said...

Homemade is the best!

Coisas e Coisinhas said...

Estou estupefacta! Sempre fugi a sete pés de tentar fazer esta massa em casa mas a tua parece tãooo simples. Que excelente dica Lia :) Vou guardar e tenho certamente de experimentar em breve!
Beijinhos
Vânia

Gori said...

Fazer massa folhada caseira é um dos meus objectivos deste ano, na área das receitas a experimentar :)
Estás a dar-me um grande incentivo com este post!
Beijinhos

Inês Ginja said...

Lia amori,
esta é aquela massa folhada perfeita que me falaste? :)
Linda!!
E sim, és uma corajosa e uma valente!
Eu penso o mesmo, porque não experimentar? Se bem que até hoje sempre pensei "demasiado compliacdo, demasiado tempo, demasiado paciência". Mas sabes, gostava mesmo de experimentar fazer, é um bom projecto para este ano, não achas?
E os pastelinhos de anta, mostras depois? Já se comia amiga!
Um beijinho.

Carina Rodrigues said...

Vou experimentar...

viagemboaviagem@blogspot.com

Andréa said...

Lia querida,
eu já fiz várias vezes, acho uma ótima terapia e a massa fica perfeita.
A sua tbm ficou perfeita melhor que as de compra, parabéns!

Bjs, bom fds junto a sua família ♥

Um toque de canela said...

Boa noite, Lia!
Tal como tu, digo logo que fazer massa folhada nem pensar, mas depois de te ver falar tão bem desta, levo a receita comigo e pode ser que qualquer dia ganhe coragem! ;)
Beijinhos e bom fim de semana!

Márcia Rocha said...

A grandeza dos Amigos são como as flores raras: Sua magnitude fica para sempre. (Cristina Beloni)
Gostei da massa, é muito mais simples que a receita que eu tenho :0)
Desejo a você e sua família um Bom Fim de Semana
Beijos Márcia (Brasil - Rio de Janeiro)
 
http://decolherpracolher.blogspot.com

Nani said...

Amiga em se tratando de massa folhada eu prefiro as compradas, dá um trabalho, mas essa sua é realmente bem mais simples!
Beijos

DonaB said...

Oh querida Lia... Vamos ver se mesmo assim desta maneira fácil eu ganho coragem! É que realmente é muito mais fácil comprar feita... Mas feita... Não é lá muito boa!
A ganhar coragem um destes dias...
Muitos beijinhos e obrigada
Cuca

CamomilaRosaeAlecrim said...

Que delicia!!! Nunca fiz massa folhada, vou experimentar, ficou linda! Parabéns!
Beijos
CamomilaRosa

Ana Teles said...

Nunca fiz massa folhada em casa, nem sequer quebrada porque ainda nem com a massa da pizza me entendi.

Beijitos*

______________________
Ana Teles | Telita
blog: Telita na Cozinha

P.S.: Há um novo passatempo no blog! :)

Aromascom Amor said...

Mas que excelente sugestão!
beijinhos
aromas-com-amor.blogspor.com

Mª João - Ponto de Rebuçado Receitas said...

Já guardei para experimentar, parece mesmo ser bastante fácil e rápida!
Beijinhos e boa semana!

Guloso e Saudável said...

Bom dia Lia,
Adoro os pasteis de natas.
Muito boa receita, ótimas dicas, faz muito tempo que não preparo ou utilizo massa folhada.
Beijo,
Vânia

Guloso e Saudável said...

Bom dia Lia,
Adoro os pasteis de natas.
Muito boa receita, ótimas dicas, faz muito tempo que não preparo ou utilizo massa folhada.
Beijo,
Vânia

Prata da casa said...

Lia querida: a minha mãe, na sua infinita paciência para a cozinha, fazia a massa folhada, mas utilizava uma margarina própria para folhados. Não sabia que se podia fazer com manteiga vulgar. A técnica da dobragem é que era essa e que fazia com que a massa folhasse. Uma maravilha!
Bjn
Márcia

123LetsCook said...

O que as saudades dos pasteis de nata fazem :-) Quando morei fora também andei nas aventuras da pastelaria portuguesa homemade mas os pasteis ainda tinha.
E por isso mesmo nunca me aventurei em fazer a massa folhada. Já tinha lido esta receita do Ramsay mas nunca tinha visto em acção. Obrigada!

Luísa Machado said...

Que maravilha! Eu também nunca faço massa folhada, já experimentei, e francamente acho que o trabalho que dá não compensa, com alternativas tão boas à venda. Mas esta receita parece-me otima, não é difícil, e não é necessário utilizar margarinas especiais. Vou levar e experimentar muito em breve!
Bjnho
Luisa

Mena Lopes said...

Eu nao sei porque nao querias fazer massa folhada!!!
Ja fizeste receitas bem mais complicadas!
E esta nao é nada complicada e eu pensei pros meus botoes: Mena, es uma idiota!
Nunca mais volto a fazer a invertida! Assim é mto mais facil e nao tens ca que andar com a manteiga atras!! :)
Por isso é que os pasteis de nata, ficaram tao lindos!!!
Beijinhos,
Mena.