1 July 2015

Mango parfaits with macerated berries / Parfaits de manga, com frutos vermelhos macerados.



This dessert is a Gordon Ramsay's very nice and easy take on parfaits, as it is made with yoghurt, it is so light, that you can have all the pleasure of the pudding without the guilty of the calories!

ingredients (serves 4):
1 ripe mango, peeled and de stoned
500ml natural yoghurt (I used vanilla yoghurt)
for the macerated berries:
200g mixed berries, hulled and quartered or halved
zest and juice of 1 small orange
1 tbsp icing sugar
small handful of basil leaves, finely shredded
method:
Place the berries, orange juice and zest, sugar and shredded basil in a bowl and mix well.
Cover with clingfilm and set aside for 1 to 2 hours.
Purée the mango in a blender until smooth.
Layer the mango purée and yoghurt in 4 serving glasses and chill until needed.
When ready to serve, top each glass with the macerated berries.
__________________


Este sobremesa do Gordon Ramsay é tão deliciosa e fácil de fazer que, para além de linda, ainda pode ser saboreada sem culpas, pois em vez das habituais natas e ovos que compõem um parfait, é feita com iogurte, o que a torna muito mais leve e super agradável e fresca.
ingredientes (para 4 pessoas):
1 manga madura, descascada e descaroçada
500ml de iogurte natural (eu usei iogurte grego com mel)
para a fruta macerada:
200g mistura de frutos vermelhos (naturais), arranjados e cortados em quartos ou metades, consoante o tamanho.
sumo e raspa de 1 laranja pequena
1 colher sopa de açúcar em pó
um punhado pequeno de folhas de manjericão, cortadas em juliana fininha
preparação:
Para preparar a fruta macerada, colocar todos os ingredientes numa taça, mexer bem e cobrir com película aderente. Reservar por cerca de 1 a 2 horas.
Colocar a manga num liquidificador ou no copo de um robot de cozinha e reduzi-la a puré.
Distribuir o puré de manga por 4 copos de vidro, cobrir o puré com o iogurte e refrigerar.
Na altura de servir, cobrir os parfaits com a fruta macerada.



Recipe / Receita:

29 June 2015

Strawberry salad / Salada com morangos.


After an uninterrupted succession of sweet posts, a few weeks ago, the blog is now back to its routine, which means, meatless Mondays, sweet Wednesdays and meaty Fridays so, according to that, here it is, a delicious salad from Lakeland magazine, that is very easy to put together, totally delicious and that is very colourful and appetising.
ingredients for the salad (serves 4):
6 to 8 strawberries, quartered
200g baby spinach leaves, washed and drained
1/2 cucumber, thinly sliced lengthways
150g goat's cheese from a log, cut into rounds
handful of mint leaves
for the dressing:
90ml extra virgin olive oil
30ml balsamic vinegar
10ml runny honey
salt and pepper, to taste
method:
Mix all the dressing ingredients together in a screw top jar and shake well to combine. Taste for salt and pepper and add more if necessary.
Divide the salad ingredients equally between 4 plates and drizzle with the dressing.


__________________

Depois de há umas semanas atrás, este blogue ter andado bem "docinho", o mesmo volta lentamente à sua rotina e a rotina para este blogue é (ou tenta-se o mais possível que assim seja), Segundas-feiras sem carne, doces Quartas-feiras e Sextas-feiras com carne.
Seguindo esta lógica, deixo-vos hoje com esta saladinha colorida e linda, super fácil de preparar e que, em termos de texturas e contrastes de sabor, é absolutamente divina!
ingredientes para a salada (para 4 pessoas):
6 a 8 morangos, cortados em quartos
200g folhas de espinafre bebé, lavados e escorridos
1/2 pepino, cortado em lâminas longitudinais
150g queijo de cabra, em rodelas
um punhado de folhas de menta
para o molho:
90ml azeite, de preferência extra virgem
30ml vinagre balsâmico
10ml mel líquido
sal e pimenta preta moída na altura, a gosto
preparação:
Para o molho, colocar todos os ingredientes dentro de um frasco com tampa de enroscar. Fechar o frasco e abanar bem para que os ingredientes fiquem bem combinados. Provar e rectificar de sal e pimenta a gosto.
Distribuir os ingredientes para a salada pelos 4 pratos, regar com o molho e servir.



Recipe / Receita: Lakeland magazine (Summer 2012).

26 June 2015

Salmon and avocado verrines / Verrines de salmão e pêra abacate.


The first time I made this recipe was when I had friends over and I served it as a starter. Apparently it was a success and everybody loved it a lot.
Since then, I make it from time to time, as a light meal, just because it's healthy, it's easy to make and the combination of flavours is great and I love all the ingredients in it.
ingredients (serves 6):
2 avocados, roughly mashed
2 tbsp lemon juice
3 spring onions, finely chopped
1 cucumber, peeled, seeds removed, finely chopped
2 tsp wasabi paste
500g very fresh salmon, finely chopped
2 tbsp chopped dill, plus extra sprigs to serve
150g creme fraîche or sour cream
salmon caviar, to serve
method:
Place avocado, lemon juice, spring onion, cucumber and 1 tsp wasabi paste in a bowl and stir gently to combine. Season with sea salt and freshly ground black pepper.
In a separate bowl, combine salmon and dill, then season.
Combine the creme fraiche with the remaining 1 tsp wasabi paste.
Divide avocado mixture among 6 x 200ml glasses, then top with the salmon mixture.
To serve, top the verrines with a spoonful of creme fraîche mixture, a small spoon of salmon caviar and extra dill sprigs.
__________________


A primeira vez que fiz esta receita, foi para servir como entrada num almoço entre amigos. Aparentemente foi um sucesso e toda a gente adorou!
Desde então, já a fiz outras vezes, como refeição ligeira, pois além de saudável, é deliciosa, fácil e rápida e adoro todos os ingredientes nela contidos.
ingredientes (para 6 pessoas):
2 pêras abacate, esmagadas grosseiramente
2 colheres sopa de sumo de limão
3 spring onions, picadas finamente
1 pepino, descascado, sementes raspadas e picado finamente
2 colheres chá de pasta de wasabi
500g salmão, o mais fresco possível, cortado em cubos bem pequeninos 
2 colheres opa de aneto picado + extra para servir
150g creme fraîche ou natas azedas
caviar de salmão, para decorar
preparação:
Numa taça, colocar o abacate, o sumo do limão, as spring onions, o pepino e 1 colher chá da pasta de wasabi. Misturar tudo muito delicadamente e temperar de sal e pimenta.
Numa taça à parte, combinar o salmão com o aneto picado e temperar de sal e pimenta.
Ainda numa outra taça, combinar o creme fraîche com o wasabi restante.
Dividir a mistura de abacate por 6 copos com capacidade para 200ml e por cima, colocar o salmão.
Colocar uma colher de creme fraîche em cada copo, seguido de uma pequena colher de caviar de salmão e decorar com aneto.

Recipe / Receita:

24 June 2015

Cherry sorbet / Sorvete de cereja.


Now that the cherries are in season we need to make the most of them.
I love cherries and when I can hold my hands on a bowl of them, they don't last long.
This time, I bought a big batch, not just to eat raw but also to make this sorbet that was "smiling" at me since the day I got this fabulous and very beautiful book.
I just made half of the recipe but I leave you the original quantities.
ingredients (makes 1 to 1.2l):
50g caster sugar
50g liquid glucose
100ml water
2kg pitted fresh cherries
method:
Put the sugar, liquid glucose and water into a bowl over medium heat and stir until the sugar has dissolved.
Add the cherries and simmer for 5 minutes, until they are just soft but still retain their vivid colour.
Tip the cherries and poaching syrup into a blender and blitz until the cherries are well pureed.
Pass the cherry puree through a fine sieve into a bowl, pushing down on the pulp to get as much juice as possible.
Discard the pulp and leave to cool.
Transfer the cherry juice to the bowl of an ice-cream machine and churn until the sorbet is softly set. Scrape the sorbet into a container, cover and freeze for several hours until firm.

__________________

Agora que as cerejas estão no seu melhor, há que tirar o maior partido deste fruto maravilhoso e que eu adoro de paixão!
Um dia destes, comprei uma quantidade suficiente grande, que deu para, não só apanhar uma barrigada delas ao natural, como para fazer este sorvete maravilhoso, deste Chef que adoro e que é altamente qualificado.
Só fiz metade da receita, mas deixo-vos a receita completa.


ingredientes (para 1l a 1.2l):
50g açúcar refinado branco
50g glucose líquida
100ml água
2kg cerejas, descaroçadas
preparação:
Num tacho, colocar o açúcar, a glucose e a água.
Levar o tacho ao lume e mexer, sobre lume médio, até o açúcar estar dissolvido.
Adicionar as cerejas e cozinhar por 5 minutos, ou até a fruta estar macia. Não deixar cozinhar demais, para que as cerejas não percam a sua cor vibrante.
Deitar tudo no copo de um robot de cozinha e reduzir a puré.
Passar o puré por um coador fino, espremendo bem, por forma a retirar o máximo de sumo do puré.
Descartar o puré que ficar no coador.
Deixar arrefecer o líquido e assim que estiver frio, colocá-lo numa máquina de fazer gelados, seguindo as instruções do fabricante.
Quando estiver pronto e com uma consistência de sorvete macio, guardar num recipiente que possa ir ao congelador e congelar até estar completamente sólido.

Recipe / Receita:

22 June 2015

Gruyère and ham pastries / Rolinhos de massa filo com queijo Gruyère e fiambre.


A few days ago, I came across this Donna Hay magazine recipe, which was very useful, as I wanted to finish the filo pastry packet that I opened to make this Rachel Khoo recipe.
The original recipe calls for Provolone cheese and prosciutto but I used what I had at home, which was Gruyère cheese and ham and what a treat these little pastries were!!
These pastries are delicious and gorgeous and they can be served as a canapé at a dinner party.
ingredients (makes 12):
250g Gruyère cheese
12 square slices ham
125g butter, melted
1 1/2 tbsp honey, plus extra for drizzling
1 tbsp lemon thyme leaves, finely chopped
9 sheets filo pastry
1 tbsp lemon thyme leaves, for sprinkling
method:
Preheat the oven to 180ºC.
Cut the cheese into 12 1cm x 10cm lengths.
Place each piece on a slice of the ham, fold in the edges and roll to enclose. Set aside.
Place the honey, butter and chopped thyme leaves in a bowl and stir to combine.
Brush 3 sheets of the filo pastry with the butter mixture and stack them on top of each other, finishing with a layer of the butter.
Cut the stack into 4 equal rectangles.
Place a wrapped cheese in the centre of each filo stack. Fold in the short sides of the pastry and roll to enclose.
Place the rolls, seam side down, on a large baking tray lined with baking paper, allowing room for them to spread.
Brush with the butter mixture.
Repeat with the remaining filo, butter mixture and wrapped cheeses to make 12 pastries.
Bake for 12 to 14 minutes or until golden and crisp.
Drizzle with the extra honey and a sprinkle of the extra thyme leaves. Serve warm.

__________________

Há uns dias atrás, "tropecei" nesta receita numa das revistas da Donna Hay, o que foi uma mais valia fantástica, pois tinha o pacote de massa filo que usei nesta receita da Rachel Khoo aberto e esta era uma opção fantástica e fácil, para acabar com ele.
A receita original pede queijo Provolone e presunto, mas eu utilizei o que tinha em casa na altura, ou seja, queijo Gruyère e fiambre.
São lindos e deliciosos estes rolinhos e podem ser servidos como canapés antes de um jantar mais requintado ou entre amigos e garanto-vos que serão um sucesso.


ingredientes (para 12 rolinhos):
250g queijo Gruyère
12 fatias quadradas de fiambre
125g manteiga, derretida
1 1/2 colheres sopa de mel + extra para regar
1 colher sopa de folhas de tomilho limão + 1 colher sopa extra para polvilhar
9 folhas de massa filo
preparação:
Aquecer o forno a 180ºC.
Cortar o quimo em 12 palitos de 1cm x 10cm de comprimento.
Colocar cada palito de queijo numa fatia de fiambre, dobrar os lados do fiambre sobre o queijo e enrolar o queijo no fiambre, por forma a ficar totalmente escondido. Reservar.
Numa taça, misturar a manteiga derretida, o mel e o tomilho picado.
Pincelar 3 folhas de massa filo com a mistura da manteiga, colocá-las umas sobre as outras, terminando com uma camada de massa pincelada com a mistura.
Cortar a camada de massa filo em 4 rectângulos iguais.
Colocar o queijo embrulhado no fiambre no centro de cada rectângulo. Dobrar os lados mais pequenos do rectângulo sobre os rolos de queijo e fiambre e enrolar os rectângulos por forma a obter rolinhos.
Pincelar os rolinhos com a mistura da manteiga e colocá-los num tabuleiro forrado com papel vegetal, deixando espaço entre eles.
Repetir o processo com a restante massa filo, manteiga derretida e rolinhos de fiambre, até terminar todos os ingredientes e os 12 rolinhos estiverem montados.
Levar ao forno por 12 a 14 minutos, ou até que os rolinhos estejam douradinhos e estaladiços.
Regar com um bocadinho de mel, salpicar com tomilho e servir quentes ou mornos.


Recipe / Receita: Donna Hay magazine (Oct. / Nov. 2014).

20 June 2015

Bundtmania 20th edition - Round up and "The End" / Round up da 20ª edição do Bundtmania e o "Fim".

Everything has a start and an end right?
Bundtmania is not an exception and today it comes to an end.
It started 20 months ago, it was funny, we saw lots of creativity and gorgeous cakes throughout the 20 editions that it lasted, but now it's time to end it before it gets obsolete.
Thank you to all of you that were always keen to participate in every month challenge and well done for the gorgeous cakes you made for the various editions of the Bundtmania.
The theme for this month's Bundtmania (the last), was berries and our participants baked us "berry" beautiful and delicious bundt cakes.
A huge thank you to all the participants of this last edition!!
Let's see how it went?
____________

Na vida, tudo tem um princípio e um fim certo?
Pois bem, a Bundtmania não é excepção e como tal, chega hoje ao fim!!
Foram 20 meses de lindos bundts e de participantes fiéis e talentosos, mas antes que fique obsoleto, decidimos dar por terminado este desafio.
A todos os que participaram ao longo destas 20 edições e aos que foram ficando pelo caminho, o nosso muito obrigada pelo apoio, dedicação e talento.
Assim sendo, aqui vos deixo o último round up do Bundtmania!
Para esta edição, o tema escolhido eram frutos vermelhos e mais uma vez fomos surpreendidas com lindos e deliciosos bundt cakes, recheados desses deliciosos frutos!
Vamos ver como correu esta última edição? Então cá vai:

Mena from As Aventuras de uma Mamã, made a Lemon and blueberry zebra bundt cake:
Mena do Aventuras de uma Mamã, fez um Bundt cake zebra de limão e mirtilos:

Catarina, from the blog A Cozinha da Kinhas, made a Bundt cake filled with strawberries and topped with a lemon glaze:
querida Catarina d'A Cozinha da Kinhas, fez um Bundt cake com coração de morangos e glacé de limão:

Carla, from the blog Tarte de Limão, made a Raspberry and crème fraîche bundt cake:
Carla, do blogue Tarte de Limão, fez um Bundt cake de framboesas e crème fraîche:

Ana, from the blog Dona Delícia - Atelier de Sabores, made a White chocolate bundt cake filled with cherries and raspberries:
Ana, do blogue Dona Delícia - Atelier de Sabores, fez um Bundt cake de chocolate branco com cerejas e framboesas:

Cláudia, from the blog Dona Biscoito, made a Blueberry bundt cake:
Cláudia do Dona Biscoito, fez um Bundt cake de mirtilos:

Susaninha, from the blog Basta Cheio, made a Yoghurt bundt cake with a raspberry and choco mint filling:
Susaninha do Basta Cheio, fez um Bundt cake de iogurte, com recheio de framboesas e choco mint:

Gori from Doce Fim de Semana made a  Quick and easy berry bundt cake:
Gori, do blogue Doce Fim de Semana, fez um Bundt rápido de frutos vermelhos:

Sandra from "That cake Sweet" made a Blackberry and almond bundt cake:
Sandra do blog That Cake Sweet, fez um Bundt cake de amoras e amêndoa:

And finally myself and my Peanut butter and strawberry bundt cake:
E finalmente eu e o meu Bundt cake de manteiga de amendoim e morangos:


And that's it. It was a beautiful, very "berry" and delicious edition and now...

The End!!!

Terminado este desfile, que foi mais uma vez, lindo e super criativo, aqui fica assinalado e anunciado o...

FIM!!!

19 June 2015

Elderflower, cucumber and lime cooler / Bebida refrescante de flor de sabugueiro, lima e pepino.


If until a while ago I was posting a drink once in a while or not posting drinks at all, now I'm getting addicted to it and here is another brilliant Summer drink.
ingredientes (makes approx. 1.5l):
3 cucumbers
juice of 3 limes
400ml elderflower cordial
200ml water
crushed ice, to serve
method:
Cut a few slices from the cucumber to use as a garnish and reserve.
Roughly chop the cucumbers and place in a food processor and blend to a pulp.
Set a fine sieve over a bowl, pour in the cucumber pulp and press with a wooden spoon to release the juice into a bowl. You should have approx. 800ml of juice. Discard the pulp.
Add the lime juice, cordial and water and stir well.
Serve over crushed ice and decorated with the sliced cucumber.

__________________


Se até há poucos dias quase não publicava bebidas, agora parece que estou a ficar viciada e assim sendo, aqui fica mais uma fabulosa bebida para o Verão.
ingredientes (para 1.5l aprox.):
3 pepinos
sumo de 3 limas
400ml concentrado de flor de sabugueiro
200ml água
gelo partido, para servir
preparação:
Cortar algumas rodelas de pepino para usar como decoração e reservar.
Picar grosseiramente os pepinos restantes, colocá-los no copo do robot de cozinha e reduzir a puré.
Colocar um coador de malha fina sobre uma taça e coar o puré do pepino, espremendo bem com as costas de uma colher de pau, a fim de extrair o máximo de sumo possível. É suposto extrair-se aproximadamente 800ml de sumo de pepino. Descartar a polpa.
Ao sumo do pepino extraído, juntar o sumo das limas, o concentrado de flor de sabugueiro e a água e mexer bem.
Colocar gelo partido nos copos e servir a bebida decorada com as rodelas de pepino reservadas.


Recipe / Receita: Lakeland magazine (Summer 2013).

17 June 2015

Blueberry, lemon verbena and buttermilk sherbet / Sherbet de mirtilos, limonete e buttermilk.


I love this time of the year when all the fruits and vegetables are colourful, vibrant, sweet and full of flavour and we can choose between so many, species, varieties and flavours.
Berries are for sure one of my favourite fruits of all times and I can't ever resist them.
This recipe is from one of my new favourite books. Summer berries & Autumn fruits, is Annie Rigg new cook book and it's all about the fruit. Full of fruity savoury and sweet recipes, it is such an amazing book, that I received it about 2 weeks ago and I already tested 4 recipes from it. It really is a stunning book and it's impossible to stop yourself from cooking from it.
When I came across this recipe, I had to search for the differences between a sherbet and sorbet, as I was a bit confused and I found out that generally, a sherbet is a fizzy powder stirred into beverages or a drink made of diluted fruit juice but in the "ice cream world", a sherbet is an american term for a frozen dessert that contains between 1% to 3% milk fat. Anything above 3% is labeled as ice cream and below 1% is referred as water ice.
Anyway, this sherbet is absolutely delicious and very refreshing and as blueberries are one of my favourite berries and the lemon verbena is at its best in my little (really little) kitchen garden, I had to make it.



ingredients:
125g caster sugar
2 strips of peel from an unwaxed lemon
1 spring of lemon verbena
400g blueberries
squeeze of lemon juice, or to taste
400ml buttermilk
method:
Put the sugar, lemon peel and lemon verbena in a saucepan and add 75ml of water. Slowly bring to the boil to dissolve the sugar, then simmer for 30 seconds.
Remove from the heat and leave to stand at room temperature for 1 hour in order to infuse.
Strain the syrup, discarding the lemon verbena and lemon peel, return the syrup to the pan and bring back to the boil over a medium heat.
Add the blueberries and simmer for about 3 to 4 minutes to soften the berries.
Remove from the heat, scoop out 1/3 of the berries and reserve.
Whizz the remaining to a purée using a stick blender.
Pass the purée through a fine sieve, pressing on the fruit to extract as much flavour as fruit as possible.
Taste and add more sugar to taste if necessary and a squeeze of lemon juice to balance the flavours.
Add the buttermilk and the reserved berries and mix until throughly combined.
Cover with clingfilm and chill in the fridge for 1 hour.
Churn the mixture in an ice cream maker according to the manufacturers instructions.
Scoop the sherbet into a plastic freezer box or container, cover and freeze until firm before serving.

__________________

Adoro esta altura do ano em que a fruta e os vegetais nos contemplam com cores vibrantes, sabor, doçura, espécies e variedades. A escolha é imensa e a dificuldade é essa mesmo, o escolher entre tanta fartura, cor e variedade.
Frutos vermelhos, ou do bosque, como lhe queiram chamar, são sem dúvida os meus preferidos de sempre e não lhes resisto, estejam eles na época (que por acaso estão), ou não.
Este livro novo da Annie Rigg (Summer berries & Autumn fruit), um livro recheado de receitas com fruta, doces e salgadas, é algo de absolutamente maravilhoso e lindo e acreditem, pois recebi-o nem há duas semanas e já testei 4 receitas. É mesmo daqueles livros que apetece testar tudo o que lá vem e é impossível não o fazer.
Quando vi esta receita com mirtilos, um dos meus favoritos, na família dos frutos vermelhos, claro que não pude deixar de a reproduzir e como o limonete, no meu pequeno canteiro (e quando digo pequeno é mesmo pequeno e canteiro, não pensem que tenho uma horta ou um pomar, nada disso!!!), está agora no seu auge, estavam reunidas as condições necessárias.
O termo sherbet andava a deixar-me intrigada, pois para mim, sherbet, não seria mais que o nome moderno atribuído ao sorvete e então fui investigar e não, não é nada disso...
Descobri então que, em geral, o termo comum significa uma bebida efervescente, criada a partir de pó, o que me fez logo lembrar os refrescos Alsa da infância.
Já no mundo dos gelados, o sherbet é o termo americano usado para descrever uma sobremesa gelada que contenha entre 1 e 3% de gordura láctea, ou seja, leite, natas ou outra gordura da família dos lacticínios.
Ainda na família dos gelados, tudo o que contenha mais de 3% de gordura láctea é chamado de gelado e os que tenham percentagens de gordura láctea inferiores a 1% ou inexistente, são chamados de gelados à base de gelo, como é o caso dos sorvetes, granitas, etc.


ingredientes:
125g açúcar refinado branco
2 cascas de 1 limão biológico
1 haste pequena de limonete
400g mirtilos
sumo de limão, a gosto
400ml buttermilk
preparação:
Num tacho, colocar o limonete, o açúcar, as cascas do limão e 75ml de água.
Levar ao lume e aquecer sobre lume brando, por forma a derreter o açúcar.
Deixar ferver por 30 segundos, desligar o lume e deixar o xarope em infusão (à temperatura ambiente), por cerca de 1 hora.
Passar o xarope por um coador e descartar as cascas do limão e o limonete.
Voltar a colocar o xarope no tacho e sobre lume médio, deixar que levante fervura de novo.
Adicionar os mirtilos e cozinhar por cerca de 3 a 4 minutos, ou até a fruta começar a ficar macia.
Retirar o tacho do lume.
Retirar cerca de 1/3 dos mirtilos do tacho e reservá-los.
Com a ajuda da varinha mágica, reduzir os restantes mirtilos a puré.
Colocar o puré num coador de malha fina, sobre uma taça e pressionar com uma colher de pau ou espátula, por forma a extrair o máximo de sumo e fruta do puré.
Provar o puré, adicionar mais açúcar se achar necessário e adicionar sumo de limão a gosto, por forma a equilibrar os sabores.
Adicionar o buttermilk e os mirtilos que haviam sido reservados e mexer bem, por forma a incorporar tudo muito bem.
Tapar a taça com película aderente e refrigerar a mistura por cerca de 1 hora.
Após esse tempo, colocar a mistura na máquina de fazer gelados, seguindo as instruções do fornecedor da máquina.
Colocar o sherbet num contentor que possa ir ao congelador, tapar e congelar até estar bem firme.

Recipe / Receita:

15 June 2015

Goat's cheese, strawberry and cucumber millefeuilles / Mil folhas de queijo de cabra, morangos e pepino.


I love to go through my book shelves and randomly, pick up a book that is there, without being touched for a long time and start reading it again, like if it was the first time.
It happens so often and it's like finding little treasures as each time I do that, I find more and more interesting combinations and recipes that I didn't pay attention on previous readings.
Its happening now, with this Rachel Khoo cook book, that I bought long ago and that until a while ago, I have never tried a recipe from it.
And by a while ago, I mean, until I tried this cannelés recipe, this pork ribs recipe and now, this amazing, totally stunning and delicious millefeuilles that I served as a starter and that is, not just beautiful and gorgeous for the eyes, but it is also fabulous and a real pleasant surprise for the palate.
ingredients (makes 6):
6 tbsp butter
2 tbsp runny honey
4 sheets of filo pastry (48cm x 22cm)
250g goat's cheese log, crumbled
20 basil leaves
1 large cucumber
2 tbsp white balsamic vinegar
200g ripe and firm Gariguette strawberries (or other if you can't find Gariguette), sliced
method:
Preheat the oven to 160ºC.
Melt the butter and 1 tbsp of the honey in a saucepan.
Place 1 sheet of filo pastry on the work surface with the long side facing you.
Brush pastry sheet with the butter and honey mixture.
Sprinkle with 100g of the cheese and top with 10 basil leaves (the pastry will be cut in 10 rectangles, so make sure you have one basil leaf in each rectangle, making 2 rows with five leaves each).
Place the second sheet of pastry on top and brush with the butter and honey.
Cut the pastry sheets in half lengthways and then into 10 rectangles.
Place the rectangles on a baking sheet and repeat with the remaining filo sheets, reserving the remaining 50g of cheese.
Bake for 10 minutes, or until the pastry is slightly golden.
Using a peeler to peel long cucumber ribbons (avoiding the soggy centre with the seeds).
Mix together the remaining honey with the balsamic vinegar and toss to coat the cucumber ribbons, strawberries and the remaining crumbled cheese.
Place a pastry rectangle on each plate and top with some of the salad.
Top with another layer of the pastry, more of the saldas and a final layer of the pastry.
Repeat to make another 5 portions.
You will be left with 2 extra rectangles, that you can eat as a snack.

__________________

Adoro quando pego em livros que já tenho há algum tempo e os começo a reler, como se da primeira vez se tratasse.
Acontece-me tantas vezes, livros que comprei e dos quais nunca tinha experimentado nenhuma receita e quando os releio, acabo sempre, invariavelmente, por descobrir verdadeiros tesouros, ou seja, receitas e combinações, ás quais não tinha prestado atenção da primeira vez que as vi e que agora, ao relê-las, ganham toda uma nova dimensão e interesse.
Assim foi com este livro da Rachel (entre tantos outros), que tenho desde o dia em que foi publicado e que li na altura, mas sem grande interesse por nenhuma receita em particular e foi posto na prateleira.
Voltou a sair das prateleiras há umas semanas atrás, na sequência das minhas aventuras no mundo dos cannelés e desde então, já experimentei a receita de cannelés que o fez sair da prateleira, esta de entrecosto e couscous de favas e esta que hoje vos apresento e que foi servida como entrada e que é absolutamente linda e sublime em termos de sabor. 


ingredientes (para 6):
6 colheres sopa de manteiga
2 colheres sopa de mel líquido
4 folhas de massa filo (com cerca de 48cm x 22cm cada)
250g queijo de cabra, desfeito em pedaços pequenos
20 folhas de manjericão
1 pepino grande
2 colheres sopa de vinagre balsâmico branco
200g morangos maduros mas firmes (de preferência da variedade Gariguette, ou outra se não encontrar esta variedade), fatiados
preparação:
Aquecer o forno a 160ºC.
Num tachinho, derreter a manteiga com 1 colher sopa do mel.
Por forma a ficar de frente para um dos lados mais longos da massa, colocar uma folha de massa filo sobre a bancada da cozinha. Pincelar uniformemente com a mistura de manteiga e mel, polvilhar com 100g do queijo e cobrir com 10 folhas de manjericão.
Atenção que a massa vai ser cortada em 10 rectângulos e convêm que cada rectângulo tenha uma folha de manjericão, por isso, espalhar as folhas em 2 linhas uniformes de 5 folhas de manjericão por linha.
Colocar a segunda folha de massa filo sobre o preparado anterior e voltar a pincelar com a mistura da manteiga e do mel.
Cortar esta composição de massa ao meio longitudinalmente e depois em 10 rectângulos.
Repetir o processo com as outras duas folhas de massa filo, reservando os 50g de queijo que sobram.
Colocar os rectângulos num tabuleiro e levar ao forno por 10 minutos, até estarem douradinhos.
Com um descascados de cenouras, cortar longas e finas fatias de pepino, descartando as do meio com as sementes.
Numa taça, misturar a restante colher de soap de mel, com o vinagre balsâmico.
Colocar as fatias de pepino no molho anterior, juntamente com os morangos fatiados e o restante queijo e envolver tudo muito bem.
No momento de servir, colocar um dos rectângulos de massa num prato de serviço. Cobrir com um pouco da salada de pepino, queijo e morangos, cobrir com uma segunda camada de massa, seguida de outra de salada, finalizando com um terceiro rectângulo de massa.
Repetir os passos anteriores para os restantes 5 pratos.
Sobrar-lhe-ão 2 rectângulos de massa, que podem ser comidos como snack e que são uma maravilha.

Recipe / Receita:

12 June 2015

Asparagus and prosciutto bundles with goat's cheese & hazelnut dip / Espargos enrolados em presunto, com dip de queijo de cabra e avelãs.


A fabulous suggestion for a starter or light lunch to be eaten at home, or to be put inside a sealable container to be transported in a picnic basket and enjoyed outdoors.
The combination of ingredients is one of my favourite ones, as it combines some of my beloved mediterranean flavours.
ingredients (makes 6):
18 asparagus spears, woody ends removed
olive oil, for drizzling
6 slices prosciutto
handful of rocket leaves
12 semi dried tomatoes
method:
Heat a griddle pan.
Drizzle the asparagus with a little olive oil and season with salt and freshly ground black pepper.
Cook for 3 to 4 minutes, rolling around the pan until just tender. Leave to cool.
Lay a slice of prosciutto on your chopping board. Put 3 asparagus spears on top, with the tips pocking out the end.
Top with a few rocket leaves and 2 semi dried tomatoes.
Roll up the prosciutto tightly to enclose the filling.
Repeat as above to make another 5 bundles.


for the dip:
100g cream cheese
100g soft goat's cheese, rindless
1 tbsp milk
6 to 8 hazelnuts, chopped
method:
Mash the cream cheese ands goat's cheese together in a bowl with a fork.
Season and add enough milk in order to have a smooth, dipping consistency.
Spoon the mixture into a jar or serving bowl and sprinkle over the hazelnuts.
__________________


Hoje deixo-vos com esta sugestão deliciosa que, tanto pode ser servida em casa, como entrada ou para um almoço ligeiro, como pode ser posta num recipiente de fecho hermético e transportada num cesto de piquenique e ser degustada à sombra, ou ao sol, sentados numa manta ou não, simplesmente desfrutando do bom tempo e temperaturas convidativas.
A combinação de ingredientes é, para mim, das mais apelativas, pois combina alguns dos sabores mediterrâneos que mais aprecio.
ingredientes (para 6 molhos):
18 espargos, arranjados e base do talo rija, descartada
azeite
6 fatias de presunto
um punhado de folhas de rúcula
12 tomates secos em azeite, escorridos
preparação:
Aquecer um grelhador.
Regar os espargos com um fio de azeite e temperar com sal e pimenta preta moída na altura.
Grelhar os espargos por 3 ou 4 minutos, ou até estarem macios mas al dente, rolando-os no grelhador. Deixar os espargos arrefecer.
Colocar uma fatia de presunto sobre uma tábua de cozinha. Colocar 3 espargos em cima do presunto, por forma a que as pontas dos espargos fiquem um bocadinho saídas.
Em cima dos espargos colocar folhas de rúcula a gosto e cobrir com 2 tomates secos.
Enrolar o presunto à volta desta combinação e repetir o processo até ter enrolado os 6 molhos de espargos.
Colocar num contentor de fecho hermético para levar para um piquenique, ou dividir por pratos e servir com o dip.


para o dip:
100g queijo creme (tipo Philadelphia)
100g queijo de cabra fresco, sem casca
1 colher sopa de leite
6 a 8 avelãs, picadas
preparação:
Numa taça e com a ajuda de um garfo, esmagar o queijo creme, juntamente com o queijo de cabra.
Temperar com sal e pimenta preta moída na altura e adicionar leite suficiente, por forma a obter uma mistura cremosa e com consistência de dip.
Colocar a mistura num frasco de fecho hermético, ou numa taça e polvilhar com as avelãs picadas.

Recipe / Receita: BBC Good Food magazine (May 2015).