20 October 2014

Lemon and vanilla cookies / Cookies de limão e baunilha.


For this month's "lets make cookies" challenge, Manuela asked for shaped cookies.
As it is Autumn, I decided to make cookies with two flavours that I adore, lemon and vanilla and cut them into leaf shapes.
For decoration I used melted dark chocolate, melted white chocolate, icing sugar and edible glitter but they can be eaten as they are or decorated to your own taste.
ingredients (for as many as the size of your cutter) :
85g unsalted butter, softened
100g caster sugar
1 small egg
175g plain flour
2 tsp vanilla extract
zest of 1 big lemon


method:
Preheat the oven to 200ºC and line 2 baking trays with baking paper.
Put all the ingredients into a food processor and blitz until combined.
Put the dough on a lightly floured surface and press with the palm of your hands to flatten it.
Roll out the dough to a 4mm thickness.
Cut out the dough with your selected cutters and transfer them onto the prepared baking sheets.
Bake the biscuits for 10 to 12 minutes, or until lightly golden.
Cool for a few minutes and then transfer to a wire rack to cool completely.
Decorate to taste and store in an airtight container.
__________________


Para o "vamos fazer bolachas" deste mês, o tema escolhido foram bolachas recortadas.
Decidi juntar dois dos meus sabores preferidos e fazer estas bolachas de limão e baunilha e, já que estamos no Outono, cortá-las em forma de folhas.
Para a decoração, a pedido das crianças cá de casa, usei chocolate preto derretido, chocolate branco derretido, glitter comestível e açúcar em pó, mas, caso as experimentem, decorem como vos apetecer e ao vosso gosto.
ingredientes (para tantos quantos o tamanho dos cortadores) :
85g manteiga sem sal, amolecida
100g açúcar refinado branco
1 ovo pequeno
175g farinha de trigo
2 colheres chá de extracto de baunilha
raspa de 1 limão grande


preparação:
Aquecer o forno a 200ºC e forrar 2 tabuleiros com papel vegetal.
Colocar todos os ingredientes dentro do robot de cozinha e processar até obter uma mistura homogénea.
Deitar a massa em cima de uma superfície enfarinhada, espalmar com a palma da mão e estender a massa com o rolo, até obter uma espessura de cerca de 4mm.
Cortar a massa com os cortadores escolhidos e transferir as bolachas para os tabuleiros preparados.
Levar as bolachas ao forno por cerca de 10 a 12 minutos, ou até estarem ligeiramente douradas.
Deixar arrefecer uns minutos nos tabuleiros, antes de transferir para uma grelha.
Após completo arrefecimento, decorar a gosto e guardar dentro de um recipiente de fecho hermético.


Recipe / Receita: Lia - Lemon & Vanilla.

16 October 2014

Povitica for the World Bread Day / Povitica para o Dia Mundial do Pão.


When it comes to bread, two words come up onto my mind and they are: Paul Hollywood. My favourite baker of all times and a most respected and professional bread baker.
And if last year, I participated in the world bread day with this delicious savoury couronne, this year I decided to participate with this totally delicious sweet bread from Eastern Europe.
The first time I came across this bread was on this year's edition of the Great British Bake Off. It was one of the technical challenges for the contenders and it proved to be a piece of work.
As I'm always up for a challenge, this is the bread I chose straight away to be the one to make for this special occasion - The World Bread Day!.
I found that the most difficult steps are the stretching of the dough, as it as to be paper thin and the spreading of the filling, as the dough is so thin that it can easily ripe apart and although my Povitica is not perfect as it should be, I can guarantee you that it is a stunningly delicious bread and it worth's to be given a go.
The original Paul Hollywood recipe can be found here.


__________________

Povitica é um pão doce da Europa de Leste.
Quando se fala de pão, o nome Paul Hollywood é o primeiro a vir-me de imediato à cabeça, pois é o meu "padeiro" de eleição e um profissional conceituadíssimo nesta arte.
No ano passado participei no dia mundial do pão, com esta fabulosa coroa salgada e este ano, decidi participar com este fabuloso pão doce, a Povitica.
A primeira vez que vi, ou ouvi falar neste pão doce, foi na edição deste ano do Great British Bake Off. Este foi um dos desafios técnicos para um dos episódios deste fenomenal programa e todos os concorrentes o acharam difícil, até porque não estavam em posse da receita completa.
Assim que o vi, decidi que seria o pão a fazer para este dia mundial do pão e não sendo uma receita fácil, decididamente vale a pena experimentar, pois é fantástico em termos de sabor.
As partes que achei mais difíceis na confecção deste pão, foram o esticar da massa, pois tem de ficar mais fina que uma folha de papel e o espalhar do recheio, porque como a massa é super fina, é difícil espalhá-lo sem rasgar a massa.
Como podem ver, o meu pão não ficou perfeito, mas valeu pela experiência e pelo sabor!!
Aqui fica então a receita traduzida.


ingredientes para a massa:
300g de farinha de trigo branca
40g de açúcar refinado branco
7g de sal
10g de fermento biológico seco
30g de manteiga sem sal, derretida
1 ovo grande (L), batido
1/2 vagem de baunilha, sementes raspadas do interior
150ml de leite gordo, morno
para o recheio:
60g de manteiga sem sal
4 colheres sopa de leite gordo
280g de miolo de noz
1/2 vagem de baunilha, sementes raspadas do interior
100g de açúcar refinado branco
2 colheres sopa de cacau em pó
1 gema de ovo, batida
para terminar:
15g manteiga, derretida
1 clara de ovo, batida
100g açúcar em pó


preparação do pão:
Colocar a farinha e o açúcar na taça da batedeira eléctrica equipada com o gancho para pão.
Colocar o sal num lado da taça e o fermento do outro lado.
Adicionar a manteiga derretida, o ovo, a baunilha e o leite morno e misturar em velocidade baixa.
Quando a massa começar a juntar-se, misturar por mais 5 a 8 minutos, a velocidade média, até obter uma massa macia, fofa e elástica.
Colocar a massa numa taça untada com óleo, cobrir com película aderente e deixar levedar por cerca de 1 hora, ou até ter duplicado de tamanho.
Untar uma forma rectangular com capacidade para 1kg.


preparação do recheio:
Colocar a manteiga e o leite num tachinho e aquecer em lume brando, até a manteiga derreter. Retirar do lume imediatamente.
Colocar as nozes, a baunilha, o açúcar e o cacau em pó no copo do robot de cozinha e processar até obter uma mistura areada.
Adicionar a gema do ovo e a mistura do leite e manteiga e pulsar para combinar bem. Reservar.
Entretanto, colocar uma toalha ou lençol limpo em cima da mesa e polvilhar com farinha.
Colocar a massa levedada em cima da toalha e estender a massa até obter um rectângulo com cerca de 50 x 30cm.
Pincelar toda a superfície da massa com 15g de manteiga derretida.
Enfarinhar as mãos e, começando no meio da massa, começar a esticá-la suavemente com as costas das mãos, por forma a que a massa  fique o mais fina possível. No final, a massa deveria ter 1m x 60cm. A minha não ficou tão extensa, pois começou a rasgar e eu optei por não esticar mais.
Com muito cuidado, para que a massa não rasgue, espalhar o recheio sobre a massa, o mais uniformemente possível, de forma a que toda a massa fique coberta ( a minha não ficou totalmente coberta, como podem verificar no resultado final...).
Caso o recheio esteja espesso e difícil de espalhar, adicionar um pouco de leite morno, por forma a ficar mais manejável.
Começando por um dos lados mais longos da massa, começar a enrolar a massa em forma de "torta longa", o mais apertadinho possível. Usar o lençol ou toalha para ajudar a este processo.
Com muito cuidado, pegar numa das pontas da "torta" e colocá-la numa das extremidades da base da forma, continuando a colocá-la no fundo da forma em forma de U. Voltar a massa para cima e criar um segundo U em cima do primeiro.
Colocar a forma dentro de um saco plástico limpo e deixar repousar por mais uma hora.
Aquecer o forno a 180ºC.
Pincelar o pão com a clara de ovo e levar ao forno por 15 minutos. Findo esse tempo, baixar a temperatura do forno para os 150ºC e cozer por mais 45 minutos, ou até o topo do pão estar douradinho.
Caso o topo comece a ficar muito escuro, antes de terminado o tempo de cozedura, cobrir com folha de alumínio.
Retirar a forma do forno e deixar o pão arrefecer na forma por cerca de 3 0 minutos.
Arrefecer completamente em cima de uma grelha.
Entretanto, misturar bem o açúcar em pó com umas gotas de água, até obter um icing líquido o suficiente, para ser espalhado por cima dom pão.
Acreditem que dá trabalho, mas é fenomenal e um bom desafio para quem gosta de fazer pão e afins.


Recipe / Receita: Paul Hollywood.

15 October 2014

Bundtmania, 12nd edition - round up / Round up da 12ª edição da Bundtmania.

As this edition is the first anniversary of the Bundtmania, the chosen theme was party bundt cakes and as I suspected, the array and beauty of the bundt cakes for this edition is amazing.
A big thanks to Mena, for being a fantastic bundtmania partner and to everybody that keeps the bundtmania alive by baking gorgeous and delicious bundt cakes every month and saying that, let's start the party.
____________

Sendo esta a 12ª edição da bundtmania, o tema escolhido foi bundts de festa e outro não podia ser!!
Tal como suspeitei, o desfile é lindo de morrer e a variedade e beleza dos bundts participantes é fabulosa.
Um muito obrigada à Mena por ser uma fantástica parceira de bundtmania e a todos os participantes que, mensalmente, mantêm a bundtmania viva e sempre com bundts lindos.
Assim sendo, vamos lá dar início à festa!!

Mena from As Aventuras de uma Mamã, brought a gorgeous Berry bundt cake, topped with a delicious coconut chantilly:

A Mena, Madame Bundette do Aventuras de uma Mamãtrouxe este deslumbrante Bundt cake de frutos vermelhos, coberto com chantilly de coco:



Carlos, from Cozinha Aromática, baked a stunning and delicious Coffee and walnuts bundt cake with vanilla icing:

O Carlos, do blog Cozinha Aromática, fez este lindíssimo Bundt cake de café e nozes, com glacê de baunilha:



Sweet Joana, from Prazer a Cozinhar, baked this amazing and delicious Chocolate and coffee bundt cake with a caramel topping:

A doce Joana do blog Prazer a Cozinhar, confeccionou este decadente Bundt cake de chocolate e café, com cobertura de doce de leite:



Inês from Ananás e Hortelã, brought a delicious Yoghurt and passion fruit bundt cake:

A Inês do Ananás e Hortelã, contemplou-nos com um super delicioso Bundt cake de iogurte e maracujá:



Anica, from de blog Senhora Dona Anica, brought a beautiful Chocolate salami and beetroot bundt cake:

A Anica, do blogue Senhora Dona Anica, trouxe-nos este magnífico Bundt cake de salame de chocolate e beterraba:


Cláudia, from Dona Biscoito, made a stunning Red velvet bundt cake, topped with a scrumptious white chocolate ganache:

A Cláudia do Dona Biscoito, fez este magnífico Red velvet bundt cake, coberto com ganache de chocolate branco:



Lovely Susana from Basta Cheio, made this beautiful Angel bundt cake, topped with chocolate ganache, caramel sauce and an almond praline:

A Susaninha, do blogue basta Cheio, trouxe-nos este ultra magnífico Bundt cake Anjo, coberto com 3 coberturas altamente indulgentes:


Luisa from the blog Delilicias brought us a delicious Baileys and red berries jam bundt cake, topped with chocolate ganache and chantilly:

A Luisa, do blog Delilicias, fez-nos este lindo e delicioso Bundt cake de baileys e doce de frutos vermelhos, coberto com ganache de chocolate e chantilly:



Dear Lúcia from O Barriguinhas, made us this stunning Bundt cake filled with meringues and topped with pink lemonade:

A querida Lúcia do Barriguinhas, trouxe este maravilhoso Bundt cake com suspiro e pink lemonade:



Lovely Sandra from That Cake Sweet, made this fabulous Honey and lavender bundt cake:

A Sandrinha do blogue That Cake Sweet, fez este delicioso Bundt cake de mel e alfazema:



Marta, that doesn't have a blog but is always keen to participate on our Bundtmania, made us this gorgeous Pumpkin and walnuts bundt cake with a chocolate topping:

A Marta, que não tem blogue, mas participa sempre através do FB da Mena, trouxe-nos este delicioso Bundt cake de Abóbora e nozes, com cobertura de chocolate:



Dona Delíca, Atelier de Sabores, made a delicious and fabulous Angel bundt cake swirled with cinnamon and hazelnut and topped with a mascarpone cheese icing:

A Dona Delícia, do Atelier de Sabores, trouxe-nos um lindo Bundt cake anjo, com swirl de canela e avelãs e uma fabulosa cobertura de queijo mascarpone:


Gori from the blog Doce Fim de Semana, made this delicious Marbled chocolate and salted caramel bundt cake:

A Gori do Doce Fim de Semana, fez-nos este delicioso Bundt cake marmoreado de chocolate e caramelo salgado:



Paula from Partilhando Sabores e Receitas, brought a cake made with the combination of two of my favourite flavours Coconut and lemon bundt cake:

A Paula, do blogue Partilhando Sabores e Receitas, combinou dois dos meus ingredientes favoritos e fez um Bundt cake de coco e limão:



Paula Guerreiro that doesn't have a blog, made this gorgeous Mini sweet potato bundt cakes:

A Paula Guerreiro que também participou através do blogue da Mena, fez-nos estes lindos Mini bundt cakes de batata doce:



Finally myself, and for this Bundtmania party, I made this Red velvet bundt cake with cream cheese icing and sugared cranberries:

Resta apresentar a minha contribuição nesta festa do Bundtmania e que é este Red velvet bundt cake, coberto com icing de queijo creme e arandos envolvidos em açúcar:


Introduced all the participants and according to the theme, we decided that the winner of the 12th edition of the Bundtmania is...

Apresentados todos os participantes e agradecendo mais uma vez a boa vontade e esforço de todos, o vencedor da 12a edição do Bundtmania é...

Lúcia from O Barriguinhas. After all, the theme was party cakes and after lots of indecisons her bundt was chosen as the winner of this edition.

A Lúcia do blogue O Barriguinhas! O tema desta edição era bolos de festa e depois de muito debate, chegou-se à conclusão que o bundt da Lúcia acabou por ser o mais festivo.

Parabéns Lúcia. Envia-me um mail com a tua morada para que possas receber o teu miminho.

Don't forget that the theme of the 13rd edition of the Bundtmania is announced today at Mena's blog so, check it out and you have until 6.00pm of the 14th of November to bring us a very delicious Bundt Cake!!

Não se esqueçam que está hoje publicado no blogue da Mena o tema da 13a edição do Bundtmania e que têm até ás 18 horas do dia 14 de Novembro para nos presentear com as vossas escolhas!

13 October 2014

Hummus, Shakshuka and baked sweet potato crisps / Hummus, Shakshuka e chips de batata doce no forno.


I love hummus and if, for me, until now, hummus was just a dip or part of a mezze, since I bought the book of the Hummus Bros, I totally changed my mind as I found out that hummus can be much more than a dip. It can be part of the meal and there's lots of fabulous things that can go with it.
Saying that, as soon as I saw this recipe on the Green Kitchen Stories food blog, I couldn't resist but give it a go and it is truly delicious.
You can find here the recipe for this fabulous meal!!
__________________

Cá em casa adoramos hummus, e se, até agora, hummus para mim não era mais que um dip ou parte de um "meze", desde que comprei o livro Hummus Bros, mudei completamente de opinião, pois descobri que hummus pode ser muito mais que isso. Pode ser parte integrante de uma refeição, em substituição de batatas, arroz, ou massa e há uma infinidade de fabulosas combinações para acompanhar com hummus, inclusive almôndegas.
Assim sendo, quando vi esta receita dos Green Kitchen Stories, claro que não sosseguei enquanto não a testei e que maravilha que é. Experimentem e não se irão arrepender.
Eles apresentam a receita do hummus em versão rápida, com grão cozido de lata e versão longa, com grão seco e demolhado.
Eu deixo-vos aqui a versão longa, pois foi a que fiz. Uma das coisas que também aprendi com o livro que menciono acima, é que o hummus feito a partir de grão de bico seco, demolhado e cozido, é completamente diferente da versão de lata e eu, sinceramente, desde que experimentei esta versão, nunca mais voltei ao hummus feito com grão enlatado.
As receitas originais estão aqui e se quiserem optar pela versão simples, é só seguir as instruções lá especificadas.


ingredientes (para 4 pessoas):
hummus:
200g grão de bico seco
1/2 colher chá bicarbonato de sódio
3 dentes de alho, descascados
sal
1/2 chávena de tahini light
1/2 colher chá de cominhos em pó
4 colheres sopa de sumo de limão
preparação:
Colocar o grão numa taça e cobrir com 600ml de água. Adicionar o bicarbonato de sódio e mexer.
Colocar a taça no frigorífico e deixar o grão de molho por cerca de 24 horas.
Findo esse tempo, escorrer o grão e lavá-lo bem. Colocar o grão numa panela, juntar 1 1/2l de água, os dentes de alho e 1 colher chá de sal.
Levar ao lume e quando levantar fervura, baixar o lume e cozer o grão por cerca de 3 horas, ou até estar macio. Remover a espuma que formar na superfície.
Quando cozido, escorrer o grão e reservar 1 chávena do líquido de cozedura.
Colocar o grão cozido e os alhos no copo do robot de cozinha, assim como os restantes ingredientes e 1/3 de chávena da água de cozedura reservada e processar tudo.
Rectificar o sal e, se necessário, adicionar mais água de cozedura, até obter a consistência desejada.
ingredientes para a Shakshuka:
2 colheres sopa de azeite
1 cebola, finamente picada
3 dentes de alho, picados
1 colher chá de cominhos em pó
1/2 colher chá de harissa
3 colheres sopa de concentrado de tomate
1 pimento vermelho grande, sem sementes e cortado em pedaços de cerca de 1cm
800g de tomate pelado
sal
4 ovos
um punhado de salsa, picada
preparação:
Aquecer o azeite numa frigideira larga, adicionar a cebola, os alhos, os cominhos e a harissa e cozinhar por 2 minutos, sobre lume médio.
Adicionar o pimento e o concentrado de tomate e cozinhar por mais 5 minutos, ou até o pimento estar macio.
Adicionar o tomate pelado e sal e esmagar os tomates com as costas de um garfo.
Cozinhar por cerca de 30 minutos. Rectificar o sal e adicionar mais se necessário.
Fazer 4 buracos no molho e partir um ovo em cada buraco.
Cobrir a frigideira com uma tampa e cozinhar por mais 5 minutos, ou até as claras dos ovos estarem completamente cozidas.
Polvilhar com a salsa picada.
ingredientes para as batatas:
2 batatas doces médias
2 colheres sopa de azeite
1 colher chá de sal
preparação:
Aquecer o forno a 200ºC. e forrar 2 tabuleiros com papel vegetal.
Lavar bem as batatas e cortar em rodelas de cerca de 4mm de espessura.
Colocar as rodelas de batata numa taça, regar com o azeite, temperar com o sal e misturar tudo muito bem.
Espalhar as batatas nos tabuleiros e levar ao forno por cerca de 25 minutos, ou até estarem estaladiças, virando-as a  meio do tempo de cozedura.
para servir:
Espalhar uma camada fina de hummus em cada prato, cobrir com a Shakshuka e um ovo por pessoa e servir acompanhado das batatas.


Recipe / Receita: Green Kitchen Stories.

10 October 2014

Clams Bulhão Pato / Amêijoas à Bulhão Pato.


Bulhão Pato clams got their name from a famous portuguese Poet. Raimundo António de Bulhão Pato was his name and since he mentioned them in one of his writings, they became very popular.
This way of cooking clams is the most portuguese, easy and traditional cooking method.
A very simple recipe and after eating your pile of clams you end up with a delicious soupy broth that you can have with a spoon or simply dunk your bread in.
ingredients (serves 4):
1kg clams, washed and soaked in salted water for a minimum of 2 hours
2 garlic cloves, finely sliced
100ml white wine
a knob of butter
1 tbsp coriander leaves, chopped
juice of half a lemon
100ml olive oil
method:
Heat the olive oil and sliced garlic in a large shallow saucepan, over a medium high heat.
Stir in the drained clams.
Add the white wine and reduce until it's almost evaporated.
Cover the pan with a lid. Shake the pan and check if the clams are all opened.
Add a knob of butter and keep on shaking the pan until it melts in the sauce.
Sprinkle with the chopped coriander leaves and drizzle with the lemon juice.
Take off the heat and serve with nice crusty bread.
__________________


Todos nós portugueses sabemos de onde vem o nome das amêijoas à Bulhão Pato e quanto a mim, esta é das melhores formas de as degustar.
Nós cá em casa adoramos amêijoas e sempre que há oportunidade, comemos, na Escócia, amêijoas com sabor e cheiro a Portugal.
Esta é uma receita do nosso José Avillez, um Chef de quem gosto imenso.
ingredientes (para 4 pessoas):
1kg amêijoas, bem lavadas e demolhadas em água salgada por um mínimo de 2 horas
2 dentes de alho, laminados
100ml vinho branco
1 noz de manteiga
1 colher sopa de folhas de coentros, picadas
sumo de meio limão
100ml de azeite
preparação:
Aquecer o azeite com os alhos num tacho largo e baixo.
Adicionar as amêijoas, mexer e refrescar com o vinho branco.
Deixar evaporar o álcool, tapar o tacho e abanar o tacho até que as amêijoas abram todas.
Juntar a manteiga para engrossar o molho.
Polvilhar com os coentros e regar com o sumo do limão.


Recipe / Receita:

8 October 2014

Pavlova with berries and salted caramel / Pavlova com frutos vermelhos e caramelo salgado.


First of all, I want to leave here a big, big Thank you to Su, as she had a great amount of work changing the look of my blog.
Finally it looks like I always wanted it to look and I love it to bits. Thank you my dear for your fabulous good taste and for being so patient and kind :))). You are a star!!
Now, remember when I published this salted caramel sauce?
At the time I wrote that it was going to be used on a very special recipe and therefore, here it is, this fabulous and ultra decadent pavlova!!
Yes, pavlova Queen is back and according to those who tried this pavlova, they said it was the best they had eaten until today!


ingredients (serves 8):
6 egg whites
350g caster sugar
1 tbsp white balsamic vinegar
1 tbsp cornflour, sifted
50g icing sugar, sifted
600ml double cream
500g mixed berries
1 quantity of this caramel sauce


method:
Preheat the oven to 150ºC and line a baking sheet with baking paper.
Place the egg whites in the bowl of an electric mixer and whisk for 3 to 4 minutes on high speed until soft peaks.
Add the caster sugar, 1 tbsp at a time, incorporating well before adding the next one. Whisk until the mixture is glossy.
Reduce the speed to low and add the balsamic vinegar, cornflour and icing sugar, beating to combine.
Spread the mixture over the baking papering a round or oblong shape, making a slight indent in the centre.
Reduce the oven temperature to 130ºC and bake the pavlova for 1 hour.
Turn off the oven and leave the meringue in the oven for 1 to 2 hours until completely cool.
Remove from the oven and place on a board or serving plate.
Just before serving, whisk the cream to soft peaks.
Spread the cream over the centre of the meringue base and top with the berries.
Drizzle with the salted caramel sauce and serve.
__________________

Em primeiro lugar, quero deixar aqui o meu muito, muito obrigada à doce Su, pela trabalheira que teve em mudar o look do meu blog.
Finalmente está como sempre quis e sonhei que estivesse e adoro de paixão, a "roupinha nova" que agora veste!!
Muito obrigada querida Su, não só pelo teu bom gosto, como também pela tua paciência em aturar-me e pela tua incrível simpatia.
Posto iso, avancemos, lembram-se de que aquando da publicação deste molho de caramelo salgado, eu escrevi que ia ser utilizado numa receita especial que iria ser partilhada mais tarde?
Pois bem, aqui está ela! O molho de caramelo salgado foi utilizado nesta fabulosa pavlova!
Quem a comeu disse que foi a melhor pavlova que já provou até aos dias de hoje o que, para mim, conhecida como a pavlova Queen entre os meus críticos mais dedicados e exigentes, é mais que um elogio, senão experimentem e partilhem a vossa opinião.
Como sei que esta menina adora pavlova, esta foi uma forma de a homenagear sábado passado no instagram.
Então? Comemos #umapavlovapelamarmita?


ingredientes (para 8 pessoas):
6 claras de ovo
350g açúcar refinado branco
1 colher sopa de vinagre balsâmico branco
1 colher sopa de Maizena, peneirada
50g açúcar em pó, peneirado
600ml natas para bater
500g mistura de frutos vermelhos


preparação:
Aquecer o forno a 150ºC e forrar um tabuleiro com papel vegetal.
Colocar as claras na taça da batedeira eléctrica e em velocidade máxima, bater as claras por 3 ou 4 minutos, ou até estarem em castelo ligeiro.
Adicionar o açúcar refinado, 1 colher de sopa de cada vez, batendo bem entre cada adição.
Bater até a mistura estar espessa e brilhante.
Reduzir a velocidade da batedeira para o mínimo e adicionar o vinagre, a Maizena e o açúcar em pó, batendo até tudo estar incorporado.
Espalhar a mistura em cima do papel vegetal, em forma de círculo ou num formato oblongo, achatando ligeiramente o centro.
Reduzir a temperatura do forno para os 130ºC e levar a pavlova ao forno por cerca de 1 hora.
Desligar o forno e deixar a pavlova lá dentro, por cerca de 1 a 2 horas, ou até esta estar completamente fria.
Retirar do forno e colocar em cima de uma tábua, ou prato de serviço.
Na hora de servir, bater as natas e espalhá-las sobre o centro da pavlova.
Cobrir com os frutos vermelhos e regar com molho de caramelo salgado.
Servir de imediato e a seguir ir fazer 2 horas de passadeira no ginásio.

Recipe / Receita: